Conecte Conosco

Culinária

20 receitas de pipoca doce para se deliciar assistindo filmes

Redação Planalto

Publicado

em

A pipoca, em sua forma tradicional salgada, é conhecida por ser um salgadinho muito comum para comer assistindo filmes. Essa combinação faz tanto sucesso que é muito difícil não sentir vontade de comer pipoca quando assistimos a um filme, seja no cinema ou em casa. E o cheiro da pipoca quase sempre acaba remetendo à essa atividade tão prazerosa.

Existem muitas maneiras de consumir a pipoca, seja ela salgada ou doce, receitas de diferentes combinações com esse ingrediente não faltam.

Para fazer pipoca doce são muitas as opções, desde as mais simples que levam apenas pipoca e açúcar, até as mais gourmets. Certamente alguma te dará água na boca.

Confira abaixo 20 receitas de pipoca doce deliciosas para testar e aprovar:

1. Pipoca doce vermelha: O resultado dessa receita é similar às pipocas de pipoqueiros. A receita leva leite de coco, para dar um sabor especial. Para a cor, foi utilizado corante alimentício vermelho, mas você pode usar a cor que preferir.

2. Pipoca doce tradicional: A dica para essa pipoca ficar ainda mais deliciosa é espalhar em uma assadeira depois que estiver pronta, para retirar o aspecto úmido e ficar mais crocante. Essa pipoca também pode ser guardada por alguns dias para consumo posterior em um pote bem fechado.

3. Pipoca de chocolate: Chocolate e pipoca só podem resultar em uma combinação maravilhosa, não é mesmo? Para dar um toque especial a autora da receita recomenda uma pitada de canela.

4. Pipoca doce fit: Para comer pipoca doce sem culpa essa receita é a ideal. A receita não leva óleo e a pipoca é estourada em um saquinho pão no microondas. Para a calda doce, o açúcar é substituído por melado.

5. Pipoca doce colorida: É possível obter o resultado colorida de duas formas: com corante ou groselha. A receita também sugere uma forma de fazer a pipoca no microondas para quem preferir essa praticidade.

6. Pipoca doce no microondas: Com um pote de vidro e plástico filme é possível fazer a pipoca doce no microondas e sem óleo, que é substituído por água. Leve a pipoca, água, açúcar e achocolatado para o microondas durante 11 minutos em potência alta e sua pipoca estará pronta, simples assim.

7. Pipoca doce fácil: Com apenas pipoca, óleo, água e açúcar em uma pipoqueira é possível fazer uma deliciosa pipoca doce. Caso você não tenha uma pipoqueira é só fazer a pipoca como de costume e jogar a calda por cima.

8. Pipoca doce na panela comum: Para essa receita não é necessário ter uma pipoqueira. Basta adicionar todos os ingredientes na panela, mexer, esperar estourar e está pronta.

9. Pipoca doce assada: Essa receita é feita em três partes. Primeiro a pipoca é estourada normalmente na pipoqueira ou panela, depois a calda de açúcar mascavo e mel é feita em outra panela e por último a pipoca com a calda é levada ao forno. A pipoca dura até 30 dias se guardada em um pote bem fechado.

10. Pipoca doce de cinema: A pipoca doce vendida em cinemas geralmente é muito cara. Para fazer essa delícia em casa é só estourar a pipoca no caramelo, esperar esfriar e comer. A autora da receita também ensina a fazer um lindo cone para servir a pipoca com charme.

11. Pipoca de Ovomaltine: Essa receita é prática e deliciosa. Basta misturar todos os ingredientes, colocar em um recipiente de vidro fechado com plástico filme e ligar o microondas por 10 minutos em potência alta.

12. Pipoca doce gourmet: A estrela dessa receita é o chocolate amargo, que é doce na medida certa. Para fazer essa delicia basta estourar a pipoca normalmente, derreter o chocolate e jogar por cima da pipoca. Depois é só esperar esfriar e se deliciar.

13. Pipoca doce com Leite Ninho: Para fazer essa receita basta fazer uma pipoca caramelizada comum, esperar esfriar e misturar bem o Leite Ninho.

14. Pipoca com chocolate e leite condesado: A autora da receita recomenda que essa receita seja feita em uma pipoqueira com girador manual, para não correr o risco de queimar. Para o preparo a pipoca é estourada com todos os ingredientes são misturados, com exceção do leite condensado, que é usado para regar a pipoca no momento de servir.

15. Pipoca com chocolate derretido: Essa receita é feita com pipoca estourada de maneira tradicional e chocolate derretido jogado por cima da pipoca. O chocolate sugerido na receita é ao leite, mas você pode usar qualquer tipo da sua preferência.

16. Pipoca com coco e leite condensado: Essa receita que é uma mistura de pipoca e cocada é feita a partir de uma pipoca caramelizada comum com a adição de uma calda feita com coco e leite condensado.

17. Pipoca com pasta de amendoim: Além da pasta de amendoim, essa receita leva uma deliciosa calda feita com marshmallow e açúcar mascavo. A pasta de amendoim é adicionada à calda depois de pronta e misturada com a pipoca.

18. Pipoca com canela: Essa receita é feita como uma pipoca caramelizada comum, o diferencial é apenas a adição de canela durante o preparo. Se preferir sirva a pipoca salpicada com canela e regada com leite condensado.

19. Pipoca de marshmallow: Para essa receita a pipoca é feita de maneira tradicional e o marshmallow é derretido com baunilha, formando uma calda. Se preferir adicione corante da cor de sua preferência. A pipoca pode ser também agrupada em bolinhas e servida em festas de aniversário.

20. Pipoca com gelatina: Nessa receita a pipoca é estourada normalmente e regada com a calda que é feita a partir de açúcar, gelatina e água. O sabor da gelatina pode ser qualquer um de sua preferência. Além do sabor, a gelatina também adiciona cor à pipoca.

Agora que você conhece variadas receitas de pipoca doce é só escolher um filme e assistir na companhia de uma dessas delícias. Qual a sua favorita?

Clique aqui para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Governo envia projeto para reabertura do Pronampe e do BEm

Redação NDP

Publicado

em

/Agência Brasil

O governo federal encaminhou ao Congresso Nacional um projeto de lei para reabrir o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe) e o Benefício Emergencial para Preservação do Emprego e da Renda (BEm), que são medidas econômicas implementadas no ano passado para o socorro a empresas impactadas pela pandemia de covid-19.

Em nota, a Secretaria-Geral da Presidência explicou que o texto altera o Artigo 126 da Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2021 (Lei nº 14.116, 2020) para permitir a execução de projetos que tenham duração específica no ano corrente. De acordo com a pasta, a medida não cria despesas diretamente e também não afasta as regras fiscais que limitam e condicionam os gastos públicos, como a Lei de Responsabilidade Fiscal e o teto de gastos.

“A proposta pretende adequar os requisitos para aumento de despesas que não sejam obrigatórias e de caráter continuado. Com a modificação proposta, não será necessária a apresentação de medida compensatória para esse tipo de despesa”, diz a nota.

Programas

Por meio do BEm, empresas puderam realizar acordos de redução de jornada e salário ou de suspensão de contratos de trabalho, garantindo ao trabalhador uma porcentagem do seguro-desemprego a que teria direito se fosse demitido. O benefício foi pago com recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). De acordo com o governo, o programa preservou o emprego e a renda de cerca de 10,2 milhões de trabalhadores, bem como a existência de 1,5 milhão de empresas.

Já o Pronampe é uma linha de crédito criada para auxiliar financeiramente os pequenos negócios e, ao mesmo tempo, manter empregos durante a pandemia. As empresas beneficiadas assumiram o compromisso de preservar o número de funcionários e puderam utilizar os recursos para financiar a atividade empresarial, como investimentos e capital de giro para despesas operacionais. De acordo com o governo, o programa disponibilizou mais de R$ 37 bilhões em financiamentos para quase 520 mil micro e pequenos empreendedores.

Está em tramitação no Congresso Nacional, um projeto que torna o Pronampe uma política oficial e permanente de crédito. O texto já foi aprovado no Senado e está em tramitação na Câmara.

fonte: Agência Brasil

Continuar Lendo

Culinária

Torta invertida de abacaxi

Redação Planalto

Publicado

em

INGREDIENTES

Calda:
1 xícara (chá) de açúcar
1 abacaxi em rodelas
Massa:
100 g de manteiga
1 caixinha de Creme de Leite Caixinha
3 ovos
2 xícaras (chá) de açúcar
1 e meia xícara (chá) de Leite Líquido Integral
3 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 colher (sopa) de fermento em pó

MODO DE PREPARO

Calda:
Em uma panela de fundo largo, derreta o açúcar até ficar dourado. Junte meia xícara (chá) de água quente e mexa com uma colher de cabo longo. Deixe ferver até dissolver os torrões de açúcar e a calda engrossar. Em duas formas de bolo inglês (11 x 28 x 8 cm) untadas com manteiga, despeje a calda e distribua as rodelas de abacaxi. Reserve.
Massa:
Em uma batedeira, bata a manteiga com o Creme de Leite , os ovos e o açúcar até obter um creme. Desligue a batedeira, acrescente o Leite , a farinha peneirada e o fermento em pó e misture até ficar homogêneo. Despeje a massa sobre o abacaxi e leve ao forno médio-alto (200°C), preaquecido, por cerca de 30 minutos ou até dourar. Deixe amornar e desenforme. Espere esfriar e sirva.
Continuar Lendo

Culinária

Torta com frutas vermelhas

Redação Planalto

Publicado

em

Ingredientes
3 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 xícara (chá) de margarina
1/2 xícara (chá) de açúcar
1 ovo

Recheio de creme
3 xícaras (chá) de leite
3 colheres (sopa) de maisena
1 lata de leite condensado
2 gemas
1 colher (sopa) de essência de baunilha

Recheio
1 xícara (chá) de framboesa fresca
1 xícara (chá) de cerejas sem calda (reserve a calda)
1 xícara (chá) de morangos frescos

Cobertura
1 xícara (chá) de água
1 colher (sopa) de maisena
1 envelope de gelatina vermelha (qualquer sabor)
2 colheres (sopa) de calda da cereja
1 colher (sopa) de glucose

Modo de preparo
Em uma panela, coloque os ingredientes do creme, menos a baunilha e leve ao fogo, mexendo sempre, por 10 minutos, ou até que engrosse. Tire do fogo, misture a baunilha e deixe esfriar coberta com filme plástico para não criar película. Em uma tigela, misture os ingredientes da massa até que não grude nas mãos, e com ela, forre uma fôrma de 30cm de diâmetro de fundo removível. Fure com um garfo e leve ao forno, preaquecido, por 15 minutos, ou até que doure levemente. Retire do forno e deixe esfriar. Coloque o creme frio e por cima espalhe as frutas misturadas. Para a cobertura, em uma panela, coloque a água e a maisena e leve ao fogo, mexendo sempre, por 5 minutos, ou até que engrosse. Misture os ingredientes restantes. Retire do fogo e espalhe sobre as frutas na torta. Leve à geladeira por 2 horas e desenforme.

Tempo: 2h (+2h de geladeira)
Rendimento: 8 porções
Dificuldade: fácil

Continuar Lendo

Culinária

Para arrasar na cozinha: faça a receita da couve-flor gratinada

Redação Planalto

Publicado

em

Receitas gratinadas são tudo de bom, vamos combinar. Essa sugestão transforma a couve-flor do dia a dia em um acompanhamento cheio de sabor. Veja o passo a passo:

Ingredientes

– 1 couve flor com as partes já separadas e limpas
– 2 xícaras de molho branco
– 1/2 xícara de queijo ralado

Preparo

Aqueça o molho branco e adicione o queijo ralado e as couves, mexa bem até que incorpore. Aqueça o forno a 180ºC, coloque a mistura em uma travessa refratária e deixe assar por cerca de 20 minutos ou até que doure. Sirva imediatamente.

Continuar Lendo

Viu isso?

Copyright © 2020 - Todos os Direitos Reservados